Jornal de Itatiba Portal de notícias de Itatiba

Menu
Notícias
Por Agência Estado

Estapar faz história com 1ª abertura de capital virtual da B3

Os recursos serão usados para pagar investimentos relativos à concessão do serviço de estacionamento do município de São Paulo, a Zona Azul

Por Agência Estado

Foto: Reprodução

A Allpark, dona da rede de estacionamentos Estapar, fez história na bolsa brasileira ao fazer uma abertura de capital 100% virtual em meio à pandemia de coronavírus.

A operação movimentou R$ 345 milhões.

Os recursos serão usados para pagar investimentos relativos à concessão do serviço de estacionamento do município de São Paulo, a Zona Azul.

O papel fechou seu primeiro pregão com forte queda de 18,5%. O presidente da Estapar, André Iasi, destacou que a oferta da companhia mostra que, mesmo num contexto como o atual, as empresas "precisam seguir com seus propósitos".

"Espero que essa oferta represente uma esperança para a retomada ao empresariado.

Mesmo em um momento adverso, investidores depositaram confiança no Brasil e na Estapar", afirmou. Dos R$ 345 milhões da oferta, 60% foram vendidos a mercado, sendo que as pessoas físicas se mostraram presentes, comprando R$ 85 milhões.

De acordo com a B3, o apetite dos CPFs pelo mercado de ações continua alto.

Hoje, são 2,4 milhões contas de pessoas físicas, sendo 400 mil captadas nos meses de março e abril.

O restante foi adquirido pelo fundo Maranello, de André Esteves, sócio do BTG Pactual, banco que já era acionista da companhia, com 47,7% do capital.

O Estadão/Broadcast apurou que a fatia de Esteves será, mais à frente, diluída.

O BTG coordenou a oferta.

Bradesco BBI, Banco do Brasil e Santander também participaram. Trajetória A Estapar, fundada há quase 40 anos, tem presença em 15 aeroportos, como o de Congonhas, em São Paulo.

Mas a companhia tem sentido na pele os efeitos da pandemia: em abril, o faturamento despencou 83% ante o mesmo mês de 2019.

De acordo com o prospecto da oferta, das 644 operações fora de vias e logradouros públicos, 191 estavam fechadas, mas mesmo as unidades abertas operavam com queda substancial de receita diante da queda significativa do volume de veículos.

As informações são do jornal O Estado de S.

Paulo.

tópicos

Não conseguimos enviar seu e-mail, por favor entre em contato pelo e-mail

Entendi