Jornal de Itatiba Portal de notícias de Itatiba

Menu
Notícias
Por Cristian

RMC contabiliza 6,6 mil casos de coronavírus de 19 a 25 de julho

Do início da pandemia até o último dia 25, a RMC registrou 32,1 mil casos e 1,1 mil óbitos por covid-19

Por Cristian

Foto: Lucas Selvati / JI

Da Redação

 

Segundo nota técnica do Observatório PUC-Campinas, a Região Metropolitana de Campinas (RMC) registrou 6,6 mil casos de coronavírus durante a 30ª semana epidemiológica (19 a 25 de julho) - aumento de 68% em relação à semana anterior. Já os óbitos subiram 20%, totalizando 197 no período.

Para o professor de Medicina e infectologista do Hospital PUC-Campinas, dr. André Giglio Bueno, a realização universal da testagem, antes restrita aos casos mais graves e aos pacientes com alto risco de complicações, contribuiu para o aumento significativo de ocorrências na região. Além disso, segundo ele, foi reportada instabilidade no sistema de notificações, de modo que muitos casos que deveriam ter sido divulgados na semana anterior foram contabilizados de uma só vez.

“O teste universal é, sem dúvida, o melhor cenário possível para entender com mais precisão o comportamento da pandemia. Mas é importante que continuemos atentos às curvas de novos óbitos e às taxas dos leitos hospitalares destinados a pacientes com covid-19. Esses dados não sofrerão interferência da ampliação de testagem e podem ser utilizados para comparações mais confiáveis”, explica o médico.

 

Economia

 

O economista Paulo Oliveira, que coordena as análises sobre o coronavírus no Observatório, diz que o retorno das atividades deve ser articulado entre os municípios, caso contrário, a rotina de aberturas e fechamentos irá dificultar o planejamento e a gestão de estoques para os comerciantes.

“A estabilidade dessa abertura e um impacto menor no crescimento de casos vai depender muito da consciência da população e dos empresários da região no cumprimento dos protocolos e das exigências estabelecidas”, afirma Oliveira, que prevê uma retomada lenta da economia em razão do desemprego e da diminuição de renda.

Mais de 32 mil casos

Do início da pandemia até o último dia 25, a RMC registrou 32,1 mil casos e 1,1 mil óbitos por covid-19. Campinas, epicentro da pandemia na RMC, contabilizou no período 15,6 mil casos e 634 mortes. Os dados atualizados estão disponíveis no Painel Interativo do Observatório PUC-Campinas: https://observatorio.puc-campinas.edu.br/covid-19/.

tópicos

Não conseguimos enviar seu e-mail, por favor entre em contato pelo e-mail

Entendi