Jornal de Itatiba Portal de notícias de Itatiba

Menu
Entretenimento
Por Redação

Alesp aprova e Vinhedo pode compor primeiro Distrito Turístico de São Paulo

Assim que o projeto for sancionado, o governo poderá criar o distrito da região, que conta com os municípios Vinhedo, Jundiaí, Itupeva e Louveira

Por Redação

Foto: Divulgaçãoi

Vinhedo, junto com Jundiaí, Itupeva e Louveira, poderá integrar o primeiro Distrito Turístico de São Paulo. A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou nesta terça-feira (1º) o Projeto de Lei 723/2020, do governo estadual, que cria os distritos turísticos no Estado de São Paulo. O texto segue para sanção do governador João Doria.

Assim que o projeto for sancionado, o governo poderá criar o distrito da região, que conta com os municípios os quatro municípios e atrações que atraem frequentadores do todo o País, os parques Hopi Hari e Wet’n'Wild, os shoppings Outlet Premium e Serra Azul, que recebem, anualmente, cerca de 10 milhões de visitantes.

“Essa é uma importante iniciativa para estimular o turismo na nossa região e na nossa cidade. Na nossa administração, vamos investir para fortalecer as atrações turísticas de Vinhedo e criar novos e relevantes projetos. Temos muitas novidades boas que vão trazer mais visitantes ao nosso município assim que tivermos superado a crise da pandemia. Vinhedo é uma excelente cidade, com muitos encantos, gastronomia de excelência e uma região campestre acolhedora”, disse o prefeito Dario Pacheco.

De acordo com o projeto, a criação dos distritos atenderá a regras como áreas territoriais situadas em um ou mais municípios que contenham relevância paisagística, natural, arquitetônica, histórica, cultural ou étnica; complexos de lazer ou parques temáticos; praias; e potencial para o desenvolvimento do turismo nacional ou internacional.

A medida, de acordo com o governo, busca a ampliação econômica dentro do setor turístico, gerando emprego e renda, e o fortalecimento da competitividade do turismo paulista. O governo e os municípios poderão adotar novas políticas sobre créditos e tributos, a fim de incentivar o desenvolvimento dos distritos. Além disso, recursos públicos e privados poderão ser investidos na infraestrutura dos municípios e em serviços ligados às atividades turísticas.

tópicos

Não conseguimos enviar seu e-mail, por favor entre em contato pelo e-mail

Entendi